terça-feira, 12 de julho de 2011

Vídeo: fabricação de latinhas de alumínio


Esse vídeo é interessante por mostrar características importantes dos processos de conformação de metais.
1. Reciclabilidade: 
Metais são 100% recicláveis. Uma latinha de refrigerante pode ser usada, jogada no lixo, derretida, transformada em chapa e por fim conformada em forma de latinha novamente, e isso indefinidamente!
2. Alta produção:
Processos de conformação são automatizáveis ao ponto de produzirem um volume muito grande de pecas, com alta qualidade e extremamente rápido. Isso, em combinação com o excelente aproveitamento da matéria-prima, fazem com que sejam imbatíveis quando está em questão o custo.
3. Propriedades mecânicas: a conformação de um material metálico abaixo de sua temperatura de recristalização leva a um aumento da resistência mecânica do mesmo (o famoso "encruamento"). Uma latinha de refri tem uma parede com espessura de ~0,2 mm! Apesar de tao fina tem uma resistência considerável, o que nos permite fabricar pecas leves e resistentes.
4. Processos de conformação podem der combinados: na fabricação de uma latinha vários processos são realizados em sequencia para chegar-se à geometria final. Isso é muito comum na conformação. Dificilmente uma peca conformada é fabricada usando apenas um tipo de processo isoladamente.
No caso da fabricacao de uma latinha, os processos de conformação mais importantes são:
  1. corte para retirar o blank da chapa. Corte não é exatamente um processo de conformação, mas está sempre presente. Afinal, antes de virar um produto, toda a chapa tem de ser cortada.
  2. o blank circular é transformado em um copo chato pelo processo de estampagem (estampagem = conformação de chapas) chamado embutimento profundo.
  3. daí para frente o processo usado é o chamado "ironing", em vários estágios, onde a espessura da chapa vai sendo progressivamente reduzida e a altura da peca aumentada (o "ironing" (não conheço o nome em português...) não é considerado um processo de estampagem, é sim considerado de conformação massiva).
  4. Por fim, conformação rotativa do pescoço da lata, e grampeamento ou rebordamento da tampa.
Enfim, abaixo está o vídeo:



Nenhum comentário:

Postar um comentário